Os tempos que correm são preocupantes, não só com relação aos alimentos para humanos, mas também no que toca aos alimentos para os nossos animais de estimação. O que fazer se a marca de ração para o nosso cão deixar de estar disponível?

Além disso, há vários motivos que podem levar-nos a querer mudar a ração do nosso pet, seja para alterar a composição nutricional à medida que envelhecem ou devido a uma condição médica, recomendações dietéticas, descontinuação de produtos, alterações de preços, entre outros motivos.

Infelizmente, os nossos animais de estimação não se dão bem com mudanças repentinas nas suas dietas. As mudanças rápidas na alimentação do cão ou gato podem causar problemas gastrointestinais, como vômitos e/ou diarreia. Se algum desses problemas não for corrigido o mais rápido possível, o nosso pet pode ficar desidratado.

mudar de ração

Como fazer a transição da ração do seu animal de estimação?

Misture o novo alimento com o antigo gradualmente, ao longo de 1 a 2 semanas. Isso é necessário, quer esteja a mudar de ração de cachorro/gatinho para ração de adulto ou a trocar de marca de alimentos a qualquer momento durante a vida – mesmo que seja a mesma marca, mas seja uma fórmula ou fonte de proteína diferente.

Siga estas instruções usando os alimentos novos e velhos:

Faça a transição da comida do seu animal de estimação ao longo de 1 a 2 semanas

Dias 1 e 2 (ou 1–4): Misture 25% da ração nova com 75% da ração antiga

Dias 3, 4 e 5 (ou 5–10): Misture 50% da ração nova com 50% da ração antiga

Dias 6 e 7 ( ou 11–14): Misture 75% da ração nova com 25% da ração antiga

Depois disso, o seu animal de estimação está pronto para seguir a nova dieta.

Levar de uma a duas semanas para a transição ajudará, tanto as papilas gustativas do seu animal de estimação, quanto a barriga (enzimas intestinais e bactérias benéficas) a se adaptarem e se acostumarem com a nova dieta. O outro benefício de fazê-lo lentamente é que, à medida que a porção da nova dieta for aumentada, poderá determinar se o seu animal de estimação tem algum problema se ele começar a mostrar sinais de não estar bem. Alguns sintomas de que seu animal de estimação não se está a adaptar à nova dieta são vômitos, diarreia ou problemas de pele.

Essa mudança geralmente pode ser concluída com segurança em apenas sete dias, mas se o seu animal de estimação tiver um apetite particularmente exigente ou um estômago sensível, estender a mudança por mais de 2 semanas geralmente garantirá uma transição mais suave.

Mudanças na dieta podem alterar a microflora intestinal e ser stressantes para alguns animais de estimação. Os probióticos podem ajudar o seu animal de estimação a digerir melhor os alimentos, manter a microflora saudável e apoiar o sistema imunológico. Um sistema imunológico mais forte ajuda-os a lidar melhor com o stresse e, se desenvolverem diarreia, os probióticos também ajudam na diarreia.

Alguns probióticos que foram cientificamente comprovados para ajudar os sistemas digestivo e imunológico do seu animal de estimação são: Fortiflora suplemento nutricional para cães e Fortiflora suplemento nutricional para gatos.

Produto adicionado à lista de desejos

Para poder prosseguir com a utilização da nossa loja online necessitamos que aceite os nossos Termos e Condições e a nossa Politica de Cookies.