Os gatos gostam muito da liberdade típica dos felinos. Como são dotados de um nível de flexibilidade que lhes permite passar em buracos pouco maiores do que a sua cabeça, são mais sensíveis ao uso da coleira. 

No entanto, é importante para a segurança do seu gato usar uma coleira. Isso pode identificá-lo e/ou ser usado para desparasitar. Neste artigo vamos falar sobre 6 passos úteis para colocar uma coleira no gato.

Como colocar uma coleira no gato? – 6 Passos essenciais

A chave para conseguir colocar uma coleira no gato é manter o processo simples e lento. Os gatos são muito sensíveis e podem encarar o uso de coleira como um castigo. Considere os passos aconselhados pelos especialistas. 

1º Passo: Preparar a coleira

É preciso remover todos os acessórios extra-coleira, ou seja, etiquetas metálicas, identificações, sinos ou outros acessórios que pretende colocar depois. Temos que manter o processo simples e lento. A altura de colocar os acessórios chegará com o tempo. Depois da coleira estar livre de acessórios extra, pode passar ao passo seguinte.

2º Passo: Abrir e ajustar a fivela e a correia da coleira

De seguida, é preciso abrir o colarinho e ajustar o comprimento. Para ajustar a coleira ao comprimento certo, é preciso saber o tamanho do pescoço do seu gato.

Poderá obter uma estimativa por usar os dedos da sua mão, se o gato for irrequieto. Também é possível usar uma fita métrica para o medir. O segredo reside em realizar essa tarefa quando o seu gatinho estiver calmo e enquanto o acaricia. 

Depois de saber a medida, use-a para um ajuste adequado. Deverá ser capaz de deslizar apenas um dedo entre o corpo do gato e a coleira. Estará pronto para a tarefa chave! 

3º Passo: Abordar o gato para um bom humor

Fazer tarefas difíceis em dias maus não é fácil para os humanos. O mesmo acontece com os gatos. Se o gato estiver num dia mau, irá sentir-se pior quando a coleira for colocada contra a sua vontade. Compense-o com as guloseimas favoritas e espere pelo momento em que ele se sinta feliz e cheio de energia.

4º Passo: Permitir que o felino observe a coleira

Este passo vai mostrar como é que o gato reagirá à coleira. Enquanto segura a coleira, existem duas possibilidades de reação: ou o gato é indiferente ou o gato continua a fitar e a farejar a coleira.

Se o gato for indiferente, pode prosseguir. Se o gato continuar a encarar a coleira como um objeto estranho, é altura de estar atento.

Ao observar sinais de ansiedade, espere. É importante que o gato observe calmamente a coleira para a colocar em segurança. Não largue a coleira se o gato a tentar arranhar ou brincar com ela.

Uma dica MUITO importante: embora o objetivo seja distrair o gato da coleira, não é aconselhável colocá-la por trás. Esteja à frente do seu animal de estimação, relaxe e coloque a coleira lentamente, sem o deixar nervoso ou zangado. 

5º Passo: Fechar a coleira

Uma vez em posição, prenda a coleira. A reação dependerá totalmente da personalidade do seu felino. Poderá rebolar pelo chão na luta para se libertar da coleira ou pode continuar com a sua vida calmamente. 

Se ele estiver a rebolar no chão, numa tentativa de se libertar, pode distraí-lo com guloseimas e elogios. Embora seja mais provável que isto o faça sentir-se melhor, poderá ter de remover a coleira durante algum tempo. Permita que o seu felino se habitue calmamente.

Se o seu gato estiver calmo, é hora de ajustar a coleira. Deverá ser possível deslizar facilmente um dedo entre a correia da coleira e o pelo. No caso da coleira estar solta, verifique se o pelo não está preso, tire-a e reajuste-a.

6º Passo: Usar a coleira por intervalos de tempo regulares

Este passo é essencial para não fazer com que o gatinho se sinta encurralado. Coloque a coleira e aumente o tempo que ele passa com ela gradualmente.

Quando o seu animal de estimação estiver habituado a usar a coleira durante mais tempo, chegou a altura de colocar lentamente a etiqueta ou identificação.

Outras informações importantes:

  • Se o seu gato se sentir desconfortável com a coleira, poderá usar um spray de feromonas para o acalmar.
  • Para gatinhos em crescimento, o ajuste do tamanho precisa de ser monitorizado regularmente.
  • Até o seu gato se habituar à coleira na sua presença, não o deixe sozinho com a coleira posta.
  • No caso do seu felino se recusar terminantemente a usar a coleira, poderá procurar a ajuda de um profissional.

Produto adicionado à lista de desejos

Para poder prosseguir com a utilização da nossa loja online necessitamos que aceite os nossos Termos e Condições e a nossa Politica de Cookies.