O recomendado é manter a ração de crescimento até que o cachorro complete o seu desenvolvimento físico.

Diminuir a quantidade diária fornecida e intensificar actividade física de "baixo impacto", como passeios à trela ou natação, são medidas geralmente eficazes para a recuperação de uma condição corporal ideal, mantendo um balanço equilibrado de nutrientes.

As dietas para perda de peso não são adequadas para cães em crescimento.

Caso estas medidas não sejam suficientes consulte o seu médico veterinário. 

Porque é que os cães aumentam de peso depois da esterilização?

Após a esterilização, as alterações hormonais e as variações metabólicas originam uma diminuição das necessidades energéticas em cerca de 30%. Contudo, a maioria das pessoas continua a alimentar os seus cães da mesma forma, utilizando o mesmo tipo de alimento, mantendo a quantidade administrada. Nestas situações, os animais estarão a consumir mais calorias do que seria necessário para manter um peso corporal ideal.

Existe efectivamente uma relação entre a esterilização e a obesidade; contudo, se o regime alimentar for modificado e rigorosamente cumprido após a cirurgia, o excesso de peso pode ser evitado.

Quais os riscos de obesidade em cães?

Cães obesos apresentam uma diminuição da tolerância ao exercício físico e ao calor. Verifica-se também uma suscetibilidade acrescida ao aparecimento de patologias concomitantes como distúrbios ortopédicos, endócrinos (diabetes), respiratórios ou cardiovasculares. Todos esses factores contribuem para uma diminuição da qualidade de vida e podem reduzir a esperança média de vida. Todos estes factores justificam a importância de prevenir activamente o excesso de peso!

Reduzir a dose diária do alimento habitual do meu cão é suficiente para controlar a obesidade?

Idealmente deve optar pela administração de uma dieta especificamente formulada para a perda de peso. A redução da quantidade diária do alimento habitualmente fornecido pode ser uma medida pouco eficaz no controlo da obesidade, já que não promove a saciedade. Os animais ficam com fome e ansiosos e aumenta o risco de car~encia em determinados nutrientes essenciais.

Se o meu  cão está habituado a receber guloseimas, como posso compensá-lo durante a dieta de emagrecimento?

As guloseimas são quase sempre utilizadas como recompensa, mas os alimentos não são a única forma de premiar o seu cão. Tente substituir gradualmente o biscoito por carícias, elogios ou brincadeiras.

Esta forma de reforço positivo será tão ou mais valorizada pelo seu cão, pois o que ele mais aprecia é a sua atenção!

O que posso fazer para conseguir a colaboração e toda a família no plano de perda de peso do meu cão?

O primeiro passo na implementação de um programa de perda de peso é o envolvimento de todos os elementos da família no processo. Se não houver consenso, uma única pessoa pode comprometer o sucesso do plano ao administrar guloseimas ao longo do dia, por exemplo. Todos devem reconhecer, aceitar e compreender os motivos pelo qual o seu cão deve emagrecer. Idealmente, apenas uma pessoa deve ser pela administração de alimento, para que esta seja feita sempre da mesma forma. Todos devem ser sensibilizados para diminuir ou até mesmo eliminar as guloseimas e para contribuir activamente para o cumprimento do plano de exercício físico.Lembre-se sempre de que é para o bem da saúde do seu cão!

Comments (0)

Produto adicionado à lista de desejos

Para poder prosseguir com a utilização da nossa loja online necessitamos que aceite os nossos Termos e Condições e a nossa Politica de Cookies.